3 Razões por que o beijo é mais íntimo que o sexo

Nunca tivemos nada.Já tivemos algo.Ele é meu namorado.Ele é meu noivo.Ele é meu marido.Ele é meu ex.Continuar.

Imagino que quando leu o título desse artigo você deve ter estranhado um pouco a princípio. Afinal, muitas pessoas consideram que o sexo é a situação mais íntima que pode existir entre duas pessoas.

[sc:calculadora ]

Mas sinto em informar, isso está errado. O beijo é muito mais íntimo do que o sexo por si só.


Existem beijos que podem marcar uma pessoa pelo resto da vida. Lembranças boas e até mesmo saudosas. Por outro lado, o sexo também apresenta situações marcantes, como a primeira vez. Mas nada comparado a um beijo longo e apaixonado. E nesse momento pode ser que você até esteja refletindo sobre os bons beijos que já viveu.

Acredite, existe explicação para isso, e provavelmente assim que terminar de ler esse texto você vai não só se convencer, mas entender o porquê de o beijo ser mais íntimo que o sexo.

3 Razões por que o beijo é mais íntimo que o sexo

3 Razões por que o beijo é mais íntimo que o sexo

Beijo na boca vale mais?

  1. Sexo é instintivo

O sexo está ligado à necessidade de sobrevivência da espécie, tanto que todos os animais o fazem para a procriação. Além disso, muitas vezes escolhemos nossos parceiros sexuais instintivamente e não por existir sentimentos. Da mesma forma que os animais, sabemos reconhecer no parceiro as características que são importantes para a sobrevivência da espécie.

Mas você já parou para observar que o ser humano é o único que beija na boca? O beijo vai além do instinto, está mais ligado a carinho, sentimento e afeto. Tanto que um relacionamento pode até sobreviver sem sexo, mas a partir do momento que o casal nem sequer se beija na boca isso significa que a relação esfriou totalmente.

Aqui também entra outra questão interessante, que deixa claro que o beijo é algo mais íntimo. Você já parou para pensar que uma noite de sexo casual com um desconhecido, por mais perfeita que tenha sido te deixa muito menos lembranças do que um bom beijo na boca?

Você pode passar dias pensando se gostaria de repetir aquele beijo com aquela pessoa com quem tudo pareceu se encaixar. Por outro lado, por melhor que tenha sido o sexo, você talvez não se importe em escolher outro parceiro para uma próxima noite.

  1. Beijo é termômetro do relacionamento

Exatamente o que você leu. O beijo indica o grau de paixão de um relacionamento. O jeito mais íntimo que existe de demonstrar o que sente e dar atenção a quem está com você. Ele serve até para demonstrar quando há algo errado. Um beijo mais frio é um sinal de alerta no relacionamento, por exemplo.

Outra prova de que o beijo é algo mais íntimo é que quando alguém beija a outro simplesmente por beijar – para não se sentir fora de um padrão da sociedade ou ter que aguentar os amigos tirando sarro dizendo que não é bom de conquista – o beijo normalmente é algo ruim. No final a conclusão é a mesma: “ele (a) não beijava tão bem assim.” Ou “Acho que eu bebi um pouco além da conta, pois aquele beijo realmente não me marcou”.

Por outro lado quando o beijo ocorre com alguém por quem existe uma atração anterior a situação torna-se totalmente diferente. Você está beijando a pessoa por que quer beijá-la e não por se sentir obrigado a fazer isso. Alguns até descrevem essa sensação como “Perder o chão por alguns minutos e esquecer-se de todos os problemas, de todo o resto do mundo”. Tudo em um único beijo.

  1. No beijo há maior troca de fluídos

Quando você faz sexo com alguém é esperado que use camisinha e também outros métodos contraceptivos. O que justifica que normalmente não há troca – ou há muito pouca – de fluídos durante o ato sexual. No beijo não há como evitar isso. É literalmente saliva com saliva e língua com língua.

O Segredo Inusitado Para Despertar Uma Tempestade de Desejo Apaixonado Na Mente do Homem Que Você Ama: (clique aqui para assistir ao vídeo)

Como você pode perceber beijar é muito mais íntimo que fazer sexo. Então não tenha medo de selecionar melhor quem você quer beijar. Vai perceber que as experiências vão se tornar muito mais positivas.

 


Gostou do artigo? Conte sua história nos comentários: