3 Razões pelas quais o tempo e qualidade nem sempre são a mesma coisa no relacionamento

Nunca tivemos nada.Já tivemos algo.Ele é meu namorado.Ele é meu noivo.Ele é meu marido.Ele é meu ex.Continuar.

Imagino que algo que você já deve ter ouvido muito é que as relações longas em que as pessoas estão juntas por um longo tempo são aquelas em que o casal é mais feliz.

[sc:calculadora ]

Assim como se o casal está junto há pouco tempo acaba ouvindo coisas como: “estão brigando por não se conhecerem direito ainda” ou “Só o tempo vai dizer se vai mesmo dar certo”.


Mas saiba que nem sempre tempo quer dizer qualidade e existem casos de pessoas que se conhecem, namoram por pouco tempo, casam e são muito felizes.

Outro assunto que se comenta muito quando se fala de tempo de uma relação é em relação ao conhecer. Que só se conhece bem a alguém convivendo com essa pessoa. Mas pense que conhecer bem ao outro é uma decisão que depende também de você. Então, nada impede que você tenha um relacionamento feliz, mesmo que num curto espaço de tempo.

Para te mostrar que essa teoria é real e tirar da sua cabeça a ideia de que para um relacionamento resultar num casamento longo e duradouro é preciso muitos anos de namoro ou que ninguém se conhece em pouco tempo de convivência, seguem abaixo razões pelas quais o tempo da relação nem sempre quer dizer qualidade:

Tempo e qualidade não são equivalentes no relacionamento

3 Razoes pelas quais tempo e qualidade nem sempre sao a mesma coisa no relacionamento

O amor não usa relógio!

1 – A rotina vai existir sempre

Esteja em um namoro faz três meses ou casado há vinte anos, o fantasma da rotina sempre vai existir. Se alguma vez você já ouviu dizer que casais que estão juntos há mais tempo sabem detectar quando o relacionamento cai na rotina de forma mais rápida e fácil, saiba que isso é uma mentira.

Assim como estar a mais tempo com alguém não significa que você vai conseguir lidar melhor com a questão de espantar a rotina. Isso varia de casal para casal e não de tempo de relação.

2 – Conhecer bem ao outro depende do seu interesse

“Você só conhece bem uma pessoa depois de conviver com ela por mais tempo.” Já ouviu essa frase não? Claro que a cada dia você vai ter a oportunidade de conhecer mais e mais do seu amado, mas isso não significa que vocês só vão se conhecer de verdade depois que estiverem quase morando juntos.

Conhecer bem ao outro – e inclusive descobrir se há um real interesse da parte dele – só depende de você e do quão interessado você está em se aventurar a conhecer mais a pessoa que está com você. Tempo nesse caso é algo bem relativo.

3 – Sair por um longo tempo nem sempre significa que ele quer algo sério

Essa terceira razão pela qual tempo não significa qualidade pode te surpreender num primeiro momento. Muitos acreditam que estar saindo com uma pessoa por um longo tempo significa que já existe algo mais sério e que a chance da paquera evoluir para algo a mais é maior. Quase como pensar que “o jogo já está ganho”.

Pois nem sempre as coisas são assim. Às vezes, tanto você quanto aquele com quem está ficando pode estar apenas curtindo o momento, e apesar de vocês estarem saindo há meses vão continuar sendo apenas bons amigos ou irá cada um para o seu canto.

E a resposta é simples: o tempo que vocês estão ficando não significa que a situação irá evoluir para algo mais sério, por que talvez não seja o que a outra pessoa está buscando, mas ela gosta da sua companhia.

O Segredo Inusitado Para Despertar Uma Tempestade de Desejo Apaixonado Na Mente do Homem Que Você Ama: (clique aqui para assistir ao vídeo)

Como você pode ver, tempo e qualidade não andam juntos quando se trata de relacionamentos. Tudo varia de caso para caso e de casal para casal. Então, se você está há pouco tempo com alguém invista sem medo nesse relacionamento.

 


Rate this post

Compartilhe sua história:

  1. Bianca

Gostou do artigo? Conte sua história nos comentários: