Ele mudou da agua para o vinho

Nunca tivemos nada.Já tivemos algo.Ele é meu namorado.Ele é meu noivo.Ele é meu marido.Ele é meu ex.Continuar.

Vou contar minha longa história a você Doutor do Amor: Namoro há um ano, e como todo relacionamento, no começo é a “mil maravilhas”, tudo muito lindo, planos futuros, enfim o começo de uma paixão.

O Segredo Inusitado Para Despertar Uma Tempestade de Desejo Apaixonado Na Mente do Homem Que Você Ama: (clique aqui para assistir ao vídeo)

Eu e meu namorado temos 22 anos, ele estuda e trabalha, e eu atualmente tranquei minha matricula na faculdade por questões financeiras. Sempre nos damos muito bem, eu sou a namorada “legal”, aquela pessoa que elogia, incentiva a sair com os amigos, viajar com a família, enfim não gosto de pegar, porem imponho limites, como ter respeito na ausência é o mínimo neh.

Conhecemo-nos pela internet, ficamos um mês conversando pelo site, e depois nos vimos pessoalmente, e acabou dando certo, uma pessoa querida e muito especial, que conheci. Começamos a namorar. Ele mora na cidade vizinha, mas no começo do namoro ele não fazia faculdade, apenas trabalhava, e eu estudava e trabalhava então nos víamos mais aos finais de semana, ou duas vezes na semana devido nossa correria cotidiana.

Era uma pessoa que nunca imaginei que pudesse existir, pois para ele não existia tempo ruim, sempre dava um jeito pra gente se ver na semana, me ligava todos os dias, mandava mensagens no celular, me ajudava com os trabalhos da faculdade, era super cavalheiro ao ponto de puxar a cadeira para eu sentar quando almoçávamos fora, enfim ele não era “Lindo” aparentemente mas sua bondade e generosidade, o deixava um homem maravilhoso que nem enxergava seus defeitos, e por mais que tivesse , ele era “perfeito”.

Minha família e a dele, apoiou nosso namoro, apesar de ter o conhecido pela net, pois nas suas atitudes era uma pessoa boa e tranquila. Ele mora sozinho com um tio e um primo, ele veio de Minas Gerais em busca de um futuro melhor. Mas como namorada sempre ajudava ele, como não tinha carro ele vinha de ônibus e eu o ajudava com “passe” pois como eu recebia na empresa, todo mês sobrava, mas sempre que a gente ia passear para lugares diferentes, minha mãe levava a gente de carro, a gente viajava, fomos p/ MG também.

Ele no começo do namoro se vestia muito mal, não tinha vaidade, e nem usava perfumes, e eu o incentivava a mudar, no seu aniversário, dei roupas modernas, para que ele ficasse com uma aparência de jovem e moderno, perfume também o incentivei a usar, pois qual mulher não quer ver o seu namorado bem vestido e cheiroso?? Meu namorado, após sete meses resolve então, comprar um carro, para facilitar a vida e p/ gente poder passear.

Até os sétimo mês de namoro estava tudo PERFEITO, aconteceram muitos imprevistos, eu fiquei desempregada, e por questões financeiras tive que trancar a faculdade, uma fase muito difícil onde só Deus para me ajudar. Depois de dois meses desempregada o meu namorado também ficou desempregado, mas com um mês conseguiu arranjar um emprego, e entrou para faculdade.

Bom foi ai que começou a minha tormenta, eu sempre incentivei o melhor p/ o meu namorado, e que ele estudasse. Mas ele usava os estudos como “algo muito difícil”, tipo o curso que ele escolheu tem algumas matérias em EAD então ele vai dois dias na semana, e dizia p/ mim que era muito corrido, e a gente só se veria um vez na semana, eu concordei, pois eu também já havia passado por isso , correria da faculdade é assim mesmo.

Pedi dinheiro emprestado p/ o meu namorado, p/ pagar contas, embora pensasse duas vezes antes de fazer isso, mas não tinha outra saída, e ele me emprestou e disse que iria me ajudar no que eu precisar isso foi em janeiro desse ano. Há três meses eu precisei fazer um aula de reforço no meu inglês, e o meu namorado me levou, mas no trajeto até o curso, o celular dele que estava no painel do carro, eu pedi a ele se pudesse olhar..não sei senti no coração de fazer isso, sendo que nunca tinha mexido nas mensagens do celular dele. E eu vi duas mensagens de duas moças dizendo “A estou com saudades, quando vamos marcar de ir ao forró? ““…” Oi quanto tempo, saudades de você vamos marcar de nos vermos? ”

Eu na hora me descontrolei, porque em mensagens de enviados no celular dele estava escrito” Oi gata saudades, lembra eu sou o “fulano” do uno, se lembra de mim?” Ou seja eu não entendia nada, porque o meu namorado nunca reclamou de nada, sempre foi uma pessoa presente, e aos finais de semana a gente ficava junto”…Mas naquela hora briguei com ele, perguntei o que era essas mensagens, e ele disse que não sabia de nada, e nem conhecia aquelas moças…!!!

Muito estranho mensagem de celular não surge do nada, sem contar que meu namorado não sabe dançar forró e nem gosta, como a moça o convida a ir ao forró, eu fiquei indignada. Nesse dia eu resolvi terminar dele, brigamos, e aquilo foi um “back” muito grande, pois ele era o meu 1° namorado, e eu a 1° namorada dele, mas também não somos mais adolescentes temos 22 anos, e temos objetivos, eu sinto um carinho muito grande por ele, e a sua simplicidade, cavalheirismo, simpatia que me conquistou pois como mencionei ele não é “Lindo”.

Mas enfim, ele me disse que iria me provar que não me traiu, e que alguém havia feito isso com o celular dele. Achei estranho, porque quem poderia fazer isso?? Na faculdade ele disse que um dia, levantou da carteira e ficou uns 5 minutos conversando com a professora, e deixou o celular na mesa. Disse-me que alguém poderia ter mexido. Ele tinha me dito também , que no 1° dia de aula uma moça perguntou a ele , se ele namorava, e ele disse que sim.

E me disse que essa mesma moça, ficava olhando diferente p/ ele, tipo querendo conquistá-lo, mas segundo o meu namorado ele a ignorava. Depois de três dias sem nos ver, depois da briga, ele veio pedir desculpas, mas dizendo que não me traiu e iria provar o ocorrido. Perdoei-o e voltamos. Vocês acham que ele conseguiu provar alguma coisa? Imagina, nem toca no assunto….até hoje.!!

No dia das mães saímos para almoçar fora, foi ótimo, e na volta p/ casa iríamos comprar o presente da minha mãe, e no meio do caminho, o celular dele toca, era uma mensagem, de uma moça dizendo que estava com saudades, que se poderiam marcar de se verem.

Novamente brigamos…e ele ligou para o n° que aparecia na mensagem, e disse que tinha namorada, e como estava no viva-voz eu ouvi, a moça disse “Mas o errado foi você”. Dai eu tive a certeza ele me traia na época que eu estudava a noite , e depois que ele entrou na faculdade também.

Mas quem olhar o meu namorado, não da pra acreditar que ele fazia isso, pois é um rapaz caseiro, não gosta de baladas, se da super bem com os pais, e tem um bom dialogo com eles. Como os pais dele moram em Minas, então ele viaja a cada dois meses para ver a família.

Fiquei sem saber o que fazer, mas não reconhecia mais o meu namorado. Novamente eu o perdoei, e disse que a próxima vez iria terminar definitivamente!!! Iremos para um ano juntos, mas o namorado de antes eu não tenho mais, porque ele se tornou ACOMODADO, “tudo está bom”, não é romântico, não manda mensagens carinhosas e nem românticas pelo celular, antes ele era cheio de planos pra gente, agora nem toca mais no assunto, vive dando indiretas, coisa que eu não gosto como no dia do aniversario da minha mãe, ele veio ajudar a gente a montar uma festinha, ai eu disse ” Nossa amor obrigada pela ajuda, estou tão feliz que você veio ajudar na festinha” dai ele disse : “È quero só ver quando vou terminar o meu trabalho da faculdade??” Nossa isso me magoou muito, porque esse trabalho da faculdade, era algo pra entregar a 15 dias, ou seja tinha muito tempo ainda, e me chateou muito.

E outra coisa que ele disse ontem “Deixei de ver o jogo do Palmeiras o meu time p/ vim ver o meu amorzão” outra coisa que fiquei chateada, porque era como se o jogo fosse mais importante que eu, e fazia cinco dias que a gente ñ se via, porque ele deu p/ reclamar que no trabalho está muito corrido, e ele anda muito cansado, eu até entendo, pois na casa dele, ele tem que cozinhar lavar roupa, trabalhar, estudar, enfim é difícil e corrido…mas quando “amamos ou gostamos” de alguém isso é algo mínimo, só de imaginar que se tem alguém do lado, já é motivo de alegria.

Eu ainda me encontro desempregada, minha vida não está fácil, achei que não tivesse apenas um namorado , mas um amigo ao meu lado, p/ me aconselhar, me incentivar como sempre fiz com ele, estar comigo nos momentos difíceis, porque namoro não é só “Mar de Rosas” neh, .

Mas ele não reconheceu tudo que fiz por ele no inicio do nosso namoro, ajudei muito ele, para depois ele fazer isso comigo?? Eu nunca trai meu namorado, e nem dei motivos, pois também sou caseira, mas não abandonei as amigas, não sou a namorada “chiclete”, deixo meu namorado livre porem com limites, mas sei que sou uma ótima namorada, pois não sou de fazer cobranças, apenas quando estou insatisfeita eu procuro conversar com ele.

Gosto muito dele, porque apesar de tudo eu sinto um carinho por ele…o que estava se transformando em algo forte, depois do back dessa “traição” que até hoje ele diz que não me traiu, se acabou. Sei que não o amo, mas passamos por tantas coisas bonitas juntos, que me dói quando me lembro disso.

Estamos namorando, mas nosso namoro eu estou tentando salvar, mas sei que não vou conseguir sozinha, ele também tem que contribuir para que isso aconteça, mas não consigo olhar meu namorado com os mesmos olhos, me tornei insegura por causa disso…antes era uma moça super confiante, porque ele me passava segurança, mas depois do fato, sempre penso que está me traindo, ou fazendo algo de errado.

Ele se transformou no tipo de namorado, que não valoriza as coisas que faço, mesmo estando desempregada não deixo nenhuma data da gente passar em branco, como aniversario dia dos namorados enfim, peço ajuda p/ minha mãe, que também se revoltou com nossa situação, o meu namoro.

Sou muito vaidosa, adoro me maquiar p/ sair, me vestir de uma maneira bonita sem ser vulgar, adoro me cuidar, ficar bem comigo mesma, e quando me arrumo pra sair com meu namorado ele nem me elogia, muitos rapazes já me paqueraram do lado dele, na rua, mas ele finge que não esta vendo nada, e não demonstra ter ciúmes de mim, ou seja ele nem liga.

As pessoas me elogiam por eu ser simpática, saber me portar nos lugares, e ser uma mulata de chamar atenção, mas isso pra ele é algo normal…e fico triste pois vejo que o meu namorado, não liga p/ mim…sendo que eu sempre o elogio quando a gente sai, sou carinhosa, atenciosa, mas ele não esta dando valor.

Ai junta, o meu desemprego, o trancamento da minha faculdade, esse namoro, nossa fico super triste. Ontem perguntei a ele, se era isso mesmo, que ele queria, se estava feliz com o nosso namoro, ele disse que sim, e que era isso que ele queria, mas sinto que no fundo não seja isso, porque quem está apaixonado as coisas são totalmente diferentes!! Só eu sou criativa, só eu que digo os lugares que a gente vai passear, só eu que motivo o nosso namoro, só eu que demonstro alegria…e olha que tenho motivos, pra demonstrar tristeza, mas não deixo os meus problemas interferirem no nosso namoro..já ele..vive reclamando de cansaço, está de ferias da faculdade, trabalha das 08:00 as 17:00 hrs e ta cansado…sei que o trabalho dele é difícil , ele trabalha com logística/ conferencia, mas mesmo assim.  No começo do nosso namoro, eu também estudava e trabalhava todos os dias, mas não ficava me queixando que estava cansada, pelo contrario na semana ainda sobrava um tempinho pra gente se ver sabe, e isso era motivo de alegria pra mim.

Antes no começo do nosso namoro, ele não tinha carro, e da casa dele até a minha eram 2 horas, porque os ônibus demoravam muito, e ele tinha a maior disposição de vim me ver, chegava a casa as 19h00hrs e ia embora as 23:00hrs por causa do ultimo ônibus até chegar na cidade vizinha, pra depois pegar outro ônibus até a casa dele, e ele fazia isso com o maior prazer do mundo!!!! Sinto que ele está comigo hoje, por obrigação.

Não consigo encontrar forças pra terminar o namoro, pois ainda gosto dele, mas do jeito que está só um milagre mesmo, porque eu não me sinto motivada, ele não faz nada de diferente pra gente sair da rotina, e eu cansei de inovar porque ele só espera por mim…sendo que no namoro o amor, companheirismo tem que ser recíproco.

Ele esta aproveitando, que estou desempregada e precisei dele, pra ficar fazendo isso comigo.
Peço desculpas a vocês pelo tamanho do texto , mas isso é um desabafo sabe, preciso de ajuda, estou confusa, não sei o que faço, também não sei aonde eu “errei” para que as coisas tomassem esse rumo, porque se eu não tivesse pegado o celular dele e olhado, eu não teria descoberto nada, estaria “cega” por achar que estava sendo respeitada e amada por alguém que se diz gostar, mas fez isso.

Não sei o que faço para ele ser o meu namorado de antes, e ser um homem que me valorize, pois sempre quis o melhor pra ele, e ficamos três meses saindo antes de iniciar o nosso namoro, já para que a gente pudesse pensar se era isso mesmo que queríamos.

Esta é mais uma historia real, enviada por quem deseja compartilhar suas experiências de vida com outras pessoas e assim desabafar, revelar aquele segredo nunca contado. Se você tem uma história e gostaria apenas de compartilhar envie sua história em ACONTECEU COMIGO.

Ele mudou da agua para o vinho

Artigos relacionados:

3 comentários

  1. daniela pinheiro
  2. Júlia Maria
  3. Ysabelle Rocha

Gostou do artigo? Conte sua história nos comentários: